Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Associação IPSUM Home

Somos uma associação sem fins lucrativos reconhecida pelo Banco de Portugal, Direção-Geral do Consumidor e pertencemos à Rede de Apoio ao Consumidor Endividado.

Associação IPSUM Home

17.Set.18

CRÉDITO HABITAÇÃO - Bancos continuam a facilitar

As notícias continuam a ser preocupantes e tendem a não abrandar. Os erros do passado sucedem-se, nomeadamente no crédito habitação.

Contrariamente as orientações do Banco de Portugal, a banca portuguesa tende a facilitar o acesso ao crédito habitação a todo o custo e com facilidades já testadas no passado que tiveram maus resultados não só para as famílias como para os próprios bancos.

As soluções são várias. Períodos de carência, redução no valor das prestações iniciais, inclusão da família, redução de spreads, entre outros.

A preocupação torna-se ainda maior quando não se nota por parte do BdP sinais de preocupação.

Note-se que apesar das taxas estarem muito baixas há sinais inequívocos de subida que provocarão encargos muito superiores aos atuais.

BdP diz expressamente que “é recomendado que os contratos de crédito tenham pagamentos regulares de capital e juros”. Com isso pretende-se evitar as soluções de carência de capital e ou juros, ou taxas progressivas, que “artificialmente” criam prestações mais baixas no início dos empréstimos, mas que depois sobem durante a sua vigência e ou no final. Foi nesta engenharia que assentou o crédito hipotecário nos EUA, sendo um dos fatores que levaram à crise internacional, que foi aplicada em Portugal e que os bancos estão agora a recuperar em força.

Será que ninguém aprendeu com os erros do passado?

Crédito habitação! Todo o cuidado é pouco.

Tem dúvidas? Fale connosco, nós ajudamos

 

2018-09-17 - Credito Habitação - Riscos e Perigo

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.