Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Associação IPSUM Home

Somos uma associação sem fins lucrativos reconhecida pelo Banco de Portugal, Direção-Geral do Consumidor e pertencemos à Rede de Apoio ao Consumidor Endividado.

Associação IPSUM Home

29.Jan.20

Fundo de Emergência

Fundo de EMERGÊNCIA.png

Chamam-se imprevistos às situações que ninguém consegue prever e que estão fora daquilo que foi planeado. E os imprevistos acontecem a toda a gente. Como é impossível saber quando é que estes vão acontecer, o melhor é mesmo estarmos preparados. Isto significa termos um fundo de emergência, caso seja necessário.

Um fundo de emergência é aquilo que na gíria designamos de pé de meia. Trata-se, no fundo, de uma reserva que temos disponível no caso de alguns imprevistos surgirem. 

O primeiro passo para fazer um fundo de emergência é analisar as suas despesas mensais. Nesta altura, é importante saber diferenciar quais são as despesas essenciais e quais são aquelas onde poderá eliminar. Os cortes em algumas despesas são fundamentais para conseguir colocar algum dinheiro de parte.

Tendo em consideração o valor mensal das suas despesas, o aconselhável é que o fundo de emergência seja, pelo menos, seis vezes esse valor. 

Inicialmente, esta poderá ser uma tarefa complicada e difícil. Se atualmente já coloca de parte 5% do ser ordenado, está no bom caminho. Deve de avaliar bem a sua situação e perceber quanto poderá começar a colocar de parte. 

Uma dica: aproveite os subsídios de férias e de natal, ou prémios de trabalho, para reforçar essa poupança.

O ideal é que esta poupança seja de baixo risco, pois o pretendido aqui não é rentabilizar mas sim reservar para emergências. Além disso, é fundamental que a poupança possua facilidade de movimento. Por esse motivo, é aconselhável que o fundo de emergência esteja numa conta à parte, à qual seja fácil aceder.

Lembre-se que a intenção desta poupança é que a utilize apenas em caso de emergência. Apesar de ser tentador usar este dinheiro para um carro novo ou para umas férias, pense na tranquilidade que esta reserva financeira lhe pode trazer.

 

@fundacaoedp @ates @universidadecatolica @catolicaporto @incentivarapartilha @CamaraMunicipalMatosinhos @Matosinhoshabitempresamunicipal @camaramunicipaldoporto @municipiomaia @municipiopenafiel @camaramunicipalgondomar @municipioparedes @dgconsumidor @bancodeportugal

#FundaçãoEDP #ATESÁreaTransversaldeEconomiaSocialdaCatólicaPorto #UniversidadeCatólicaPortuguesa #CatólicaPorto #IncentivarPartilhaAssociação #CâmaraMunicipaldeMatosinhos #MatosinhosHabit #CâmaraMunicipaldoPorto #CâmaraMunicipaldaMaia #CâmaraMunicipalPenafiel #CâmaraMunicipaldeGondomar #CâmaraMunicipaldeParedes #DirecaoGeraldoConsumidor #BancodePortugal